COMPARTILHAR
Buenos-aires

Está à procura de dicas sobre o que fazer em Buenos Aires?

Como parte de nossa série de guias da cidade, seguiremos agora para a bela capital Argentina, onde visitei pela primeira em 2011 e acabei me apaixonando pela sua cultura portenha e pelos famosos pontos turísticos.

Darei as minhas dicas sobre as melhores coisas para se fazer em Buenos Aires, além de conselhos sobre onde comer, dormir, beber, fazer compras e explorar a cidade.

Por que visitar Buenos Aires?

A cidade é diferente de muitas outras que você possa ter visitado em sua vida.

A primeira vista você conseguirá perceber a grande influência europeia, mas sem perder toda o estilo e a “malandragem” latina. Os portenhos (como são chamados os moradores de Buenos Aires), inclusive, tem uma personalidade e uma cultura bem distintas de muitos outros povos. Eu não sou tão fã de grandes cidades, porém em Buenos Aires eu consigo sentir que há algo (ou muitas coisas) que pode agradar todos os gostos.

Melhores coisas para se fazer em Buenos Aires

Buenos Aires é uma cidade enorme, e ela pode ser um tanto quanto esmagadora para um viajante que não a conhece bem e deseja fazer tudo de uma única vez.

Meus destaques são:

Conhecer a arte dos graffitis ao redor da cidade: não é apenas uma arte de rua impressionante e cuja qual eu sempre gostei, mas também é uma parte importante da cultura e da história da cidade. Você vai encontrar facilmente belas pinturas de graffiti nas barrios (bairros) de San Telmo e Palermo Soho. Se você realmente curte esse tipo de arte de rua, eu recomendo fortemente um tour pelas ruas da cidade para saber mais sobre os estilos e grafiteiros.

grafiti-buenos-aires

– Conheça de perto e perca-se dentro do Cemitério da Recoleta.

– Explore o Bosques de Palermo: se você deseja obter uma visão vislumbrante do estilo de vida dos portenhos, conheça um dos parques onde eles costumam desfrutam de um belo dia na cidade. A área dos Bosques de Palermo é uma das mais bonitas na cidade.

Plaza de Mayo: conheça o centro da política e local de eventos históricos importantes do país.

– Desfrute da animada feira de domingo na San Telmo. Mesmo se você não fizer o estilo de compras, assim com eu, é interessante ver as multidões, ouvir música, assistir tango e aproveitar a paixão do povo por Buenos Aires.

– Visitar o colorido bairro La Boca, o Caminito e o estádio do Boca Juniors. Apenas procure ir de dia, pois à noite, mesmo sendo muito turísticas, essas regiões costumam ser perigosas.

estádio-boca-juniors

Melhores bairros para conhecer em Buenos Aires

Numa cidade grande como Buenos Aires com certeza há muitos bairros para se conhecer, porém cada um tem seu próprio caráter distinto. Para uma viagem curta, estes são o que eu recomendaria que você visitasse

– Palermo Soho: é um dos bairros mais na moda da cidade, conhecido por seus restaurantes e lojas de luxo. É também um lugar agradável e bonito para um passeio a qualquer hora.

Recoleta: é o bairro que dá Buenos Aires sua reputação de ser a “ Paris da América do Sul”. A arquitetura é linda, e a área está repleta de lojas famosas, restaurantes e galerias de arte e museus.

San Telmo: é uma área encantadora com ruas estreitas de paralelepípedos, os lotes de graffiti colorido, e um mix de lojas e restaurantes tradicionais e modernos.

Onde comer em Buenos Aires

Como a capital Argentina vem se tornando cada vez mais uma cidade mais sofisticada, com uma crescente comunidade de expatriados, a grande variedade da cozinha internacional continua crescendo por todos os cantos.

Para uma experiência especial e mais degustadora, confira uma restaurante puerta cerrada (porta fechada), onde excelentes chefs de cozinha servem menus criativos para um pequeno grupo de pessoas. Nesse caso é necessário fazer uma reserva para as mesas privadas e ou para um jantar em grupo.

Aqui estão os meus lugares favoritos para fazer um lanche ou desfrutar de uma refeição tranquila com os amigos.

– Desfrute de um excelente bife e um ótimo serviço no restaurante La Cabrera, em Palermo Soho. Gosto muito de iniciar com uma gostosa provoleta servido por eles.

restaurante-buenos-aires

– Se prefere uma boa pizza, o El Cuartito é bastante famoso na cidade. Experimente a fugazzetta coberta com cebolas e cheia de queijo derretido.

Cumaná, na Recoleta, é um popular restaurante onde você pode obter uma variedade da boa e tradicional culinária argentina, incluindo as deliciosas empanadas, pizza, locro e picadas (carne com queijo e placas). O endereço do Cumaná é Rodríguez Peña,, número 1149.

churrasco-buenos-aires

– Se você gosta mesmo é da cozinha do sudeste asiático, o puerta cerrada Cocina Sunae é, ao mesmo tempo, um lugar com uma incrível refeição e uma experiência gastronômica única.

– Caso seja um aventureiro gastronômico e queira uma experiência verdadeiramente única com as refeições, vá para El Baqueano e conheça o menu de degustação de sete pratos com combinação de vinhos.

– Após comer uma boa refeição e resolver buscar algo mais doce, conheça o Moratto, o Persicco e o Un ‘Altra Volta, que são algumas das melhores sorveterias e lojas com guloseimas em toda a cidade.

O que você não pode deixar de comer em Buenos Aires

Você não pode visitar Buenos Aires sem saborear um gostoso bife local, um bom vinho tinto portenho, o famoso alfajor e bastante sorvete.

Outros alimentos bem conhecidos da cultura local incluem as empanadas, as pizza, a provoleta (queijo cozido), o locro (um ensopado típico do norte da Argentina), e uma picada (queijo e carne prato).

empanadas-buenos-aires

Onde beber em Buenos Aires

A cidade que nunca dorme, com diversas opções de bares, restaurantes e outros tipo de cultura também à noite. Como seria de esperar, não há falta de opções para qualquer tipo de viajante.

Se você gosta de vinho então está na cidade certa. A Argentina é conhecida por seus vinhos tintos, incluindo o Cabernet Sauvignon, o Malbec e o Syrah. A região Norte também é conhecida por seus vinhos brancos Torrontes. O vinho na Argentina é de um preço muito acessível, e você pode encontrar boas opções em qualquer restaurante e maioria das lojas.

vinho-buenos-aires

Para ter uma experiência diferenciada procure agendar uma degustação com algumas empresas locais que oferecem vinhos de alta qualidade a partir de adegas menores.

A Argentina não é tão conhecida pela sua cerveja, onde tem sua grande representante nacional a Quilmes. Então o melhor lugar para tomar uma bem gelada é ao ar livre, num belo dia na Plaza Serrano, em Palermo Soho. Lá existem vários bares com grandes pátios ao ar livre. É um excelente programa de fim de tarde.

Se você está procurando algo mais artesanal, uma boa opção é cervejaria Antares, em Palermo Soho.

Que prefere os coquetéis, o Milion é uma boa opção. O bar funciona dentro de uma mansão antiga, o que pode fazer as bebidas e anoite ficarem um pouco mais interessantes.

Melhor lugar para aproveitar a noite na cidade

A maioria das áreas turísticas são bons locais para curtir uma noite em Buenos Aires afinal, esta é uma cidade que nunca dorme.

Os melhores bairros são o San Telmo, Recoleta e o Palermo Soho. O último é o meu preferido porque você tem várias opções para jantar, beber em um bar bacana e aproveitar uma boa noitada dentro de um boate até de manhã.

san-telmo-buenos-aires

Se você estiver na cidade numa segunda-feira a melhor opção é conhecer a La Bomba de Tiempo, em Ciudad Cultural Konex.

Para os fãs de música há muitas oportunidades para ver algumas performances ao redor da cidade. Em alguns lugares ao redor de Buenos Aires você vai ver folhetos publicitários de shows por toda a parte. Aventure-se e vá conhecer algo novo.

Onde se hospedar em Buenos Aires

Barato

Para viajantes com um orçamento mais limitado, eu indico usar o couchsurfing ou os albergues, pois oferecem várias opções acessíveis em todos os bairros centrais.

Três desses hostels que conheço bem e recomendo é o America del Sur Hostel, o Grupo Coinca, em San Telmo, e Hostel Eco Pampa, em Palermo Soho.

Preço médio

Boas opções com um preço médio ainda em conta incluem o Hotel Casona La Boheme, em Montserrat e o San Carlos Hotel, em Almagro.

Preços caros

Se você quiser algo um pouco mais luxuoso, mas ainda com um valor acessível, indico o Own Grand Palermo Soho ou o CasaSur Bellini Hotel, em Palermo Soho.

Hotéis de Luxo

Mas se busca algo muito sofisticado mesmo, como um hotel de luxo, você gostará de se hospedar no renomado Alvear Palace Hotel, no bairro da Recoleta, ou no Faena Hotel Buenos Aires, em Puerto Madero.

Alugar um apartamento

Alugar um apartamento em Buenos Aires também pode ser uma opção acessível e mais confortável caso você viaje acompanhado. Existem muitos serviços de aluguel de apartamentos, mas tome cuidado ao lidar com os proprietários, pois os famosos “trambiqueiros” existem em qualqeur parte do mundo, e em Buenos Aires não é nem um pouco diferente. É melhor usar um serviço que é conhecido e fornece opiniões de usuários, como o AirBnB.

Supermercados e compras

Existem muitas oportunidades de compras em Buenos Aires, e San Telmo é o local mais conhecido por causa de suas lojas de antiguidades e pela famosa feira de domingo. Palermo Soho também tem um mercado ao ar livre, porém com um estilo mais boêmio na Plaza Serrano e em ruas próximas durante os finais de semana.

Se você está procurando algo mais ligado à moda e boutiques vai encontrar muitas opções em toda a Palermo Soho, San Telmo e Recoleta.

Villa Crespo (próximo ao bairro de Palermo) é onde se encontram as boas promoções. Há uma área de compras tomada de Aguirre e um pequeno distrito de couro em Murrillo.

Se você não se importa com locais muito cheios, a rua de pedestres Calle Florida é um distrito de compras bem conhecido, onde pode se encontrar de tudo, desde as lojas mais agradáveis, ao produtos artesanais.

rua-florida-buenos-aires

Festas e eventos

O Festival Mundial de Tango acontece em maio e é algo que recomendo muito que você conheça. Embora possa encontrar tango em toda a cidade e em qualquer dia da semana, Buenos Aires tem uma energia especial durante este festival de duas semanas onde você pode ver de perto a performance dos melhores dançarinos de tango do mundo. Se tem dúvidas sobre o que fazer em Buenos Aires, esse é o evento que você deveria conhecer.

festival-de-tango-buenos-aires

Há inúmeros outros festivais e eventos que acontecem ao longo do ano na cidade. Sugiro se informar sempre através do site Agenda Cultural, feito pelo próprio governo local, antes de ir a qualquer um, pois os os eventos podem mudar de local e data de um ano para outro. Preste atenção também aos folhetos e cartazes ao redor da cidade

Como se locomover pela cidade

A variedade de transporte público é grande. Você pode andar poda toda a cidade usando o metrô ou os ônibus públicos.

O metrô é bem fácil de ser usado, mesmo se você não entende espanhol. Os ônibus são um pouco mais complicados, mas nada que possa comprometer sua viagem afinal, temos idiomas tão parecidos. Uma dica para os ônibus: tenha sempre monedas (moedas). Eles não aceitam notas.

ônibus-buenos-aires-argentina

A cidade é muito grande, mas de um modo geral é tranquilo caminhar entre os bairros vizinhos. Aliás, essa é a maneira mais indicada de conferir a arquitetura ao redor e conhecer uma boa adega ou café local por acaso.

Os táxis são abundantes e não são caros em comparação com outras grandes cidades como o Rio de Janeiro  ou outras metrópoles pelo mundo, por exemplo. Apenas certifique-se de ter alguma ideia de onde está indo para não levar um golpe do motorista. Infelizmente isso é bem comum em Buenos Aires.

Onde encontrar internet gratuita

Se o seu hotel ou pousada não possui esse serviço de graça, troque-o imediatamente.

A cidade, de um modo geral, oferece muitos pontos de wi fi gratuito. Mais e mais cafés e restaurantes estão oferecendo internet. Em qualquer esquina há, por exemplo, um McDonalds ou Starbucks para você poder usar o serviço.

Melhor época do ano para visitar

Os meses mais quentes e secos são dezembro e janeiro e, é claro, coincidem com a alta temporada.

Se preferir aproveitar a capital Argentina com temperaturas mais amenas sem se importar com um friozinho e chuva, sugiro viajar nos meses de outubro, novembro, março ou abril.

San Isidro, uma opção à cidade grande

O afluente subúrbio de San Isidro é um interessante lado de Buenos Aires porque lhe dá uma pausa da agitação da cidade grande, além de ser uma área bastante bonita para passear.

san-isidro-buenos-aires-argentina

Os melhores dias são nos finais de semana, quando há uma feira de antiguidades e artesanato na praça principal. Mas você pode ir em qualquer data conhecer a tranquilidade da Peru beach.

Como ir a Buenos Aires

As principais companhias aéreas tem vôos internacionais para Buenos Aires. Entre elas, as mais conhecidas e que sempre oferecem voos promocionais são a a Azul, Tam, Gol e Avianca. A Aerolineas Argentinas também tem voos frequentes até Buenos Aires, mas nunca utilizei os serviços dessa companhia.

Ao chegar na cidade você deve tomar alguns cuidados com os meios de transporte e como se locomover. Para saber mais leia o artigo Como ir do aeroporto de Buenos Aires até o hotel.

Dica simples

Leve dólares americanos com você, pois a moeda é bastante valorizada. A inflação é muito forte na Argentina e as pessoas não confiam nos bancos. Quando for pagar por algo pergunte se há desconto se for em dólar.

O governo coloca muitas restrições aos locais para a compra e venda de dólares, portanto tete tirar um pouco de proveito disso para economizar um pouco mais na sua viagem

Planeje sua viagem para Buenos Aires

Se agora você já tem as dicas sobre o que fazer em Buenos Aires, agora chegou a a hora de começar a se planejar. Eu sempre começo minha pesquisa de viagem em sites confiáveis como o Booking.com, que tem mais de 600 mil propriedades listadas em todo o mundo, em 200 países, incluindo hotéis, apartamentos e pousadas. Você começa cancelamento gratuito na maioria dos quartos e uma garantia de melhor preço.

Quer um Roteiro de 4 dias na capital Argentina? Conheça o Guia de Buenos Aires clicando na imagem abaixo.

guia de buenos aires

4 COMENTÁRIOS

  1. Oi, Júlia. Obrigado pelo comentário. Consegue sim. O estádio fica aberto para visitações turísticas em dias que não tem jogo. Vale muito a pena o passeio. Abraço

  2. Quando estive lá até perguntei sobre, mas não me passaram as informações completas. Nem mesmo no site tem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui