Home Europa Rússia Ilha Olkhon, uma das grandes atrações do lago Baikal

Ilha Olkhon, uma das grandes atrações do lago Baikal

91
0
COMPARTILHAR

Com cerca de 70 km de comprimento e 15 km de largura, a ilha Olkhon é um belo pedaço de terra que parece ter emergido das profundezas do lago Baikal. Sua superfície é suavemente esverdeada, descendo com maestria os penhascos rochosos até chegar na borda do lago. A ilha é toda coberta por grama e outras plantas aromáticas do lado da costa, e por pequenos pinheiros na parte direcionada ao meio do lago.

A ilha Olkhon é o lugar perfeito caso você queira se esconder do todo o caos e tumulto de uma cidade grande, e aproveitar ao máximo toda a energia que o lago Baikal proporciona para quem o visita. Ela não tem uma estrutura tão turística quanto Listvyanka, mas oferece o necessário para que você possa desfrutá-la sem deixar algumas comodidades de lado. Tanto que é possível alugar bicicletas, carros, motos ou caiaques de moradores locais ou de uma locadora. Existe também a possibilidades de fazer caminhadas guiadas a locais poucos explorados da ilha. Ou seja, mesmo que isolada, boas opções de entretenimento e convívio com a natureza é o que não faltam.

ilha Olkhon, no lago Baikal, Rússia

Para ter uma certa comodidade procure ficar em Khuzhir, um pequeno povoado que fica bem ao centro da ilha. Mas se faz o estilo de viajante mais aventureiro, caminhe pelas margens do lago e assim encontrará bons locais para acampar e poder aproveitar ainda mais a natureza. Alguns pontos da ilha são bem isolados então, nesse caso, é mais indicado se informar com guias e moradores locais como fazer para chegar a um ponto que seja longe de todo o movimento turístico, mas seguro para montar seu camping.

Como chegar na ilha Olkhon

Olkhon, no Lago Baikal, Rússia

A ilha Olkhon está a uma distância de 250 km de Irkutsk, e pode ser acessada tanto por via terrestre quanto marítima. Se você estiver planejando visitar o lago Baikal em breve, procure fazê-lo entre os meses de maio e dezembro, que é quando o serviço de balsas que leva até a ilha funciona. Fora desse período as águas do Baikal costumam estar total ou parcialmente congeladas.

Na época da união soviética existia um avião que levava as pessoas de Irkutsk para Huzhir, o povoado principal de Olkhon. Hoje em dia, como não existe mais esse voo, para chegar até a ilha é necessário fazer uma viagem de cerca de 6 horas na estrada que liga Irkutsk a MRS, o local de onde sai a balsa que transporta os veículos numa travessia de 15 minutos. Enquanto espera até poder embarcar seu veículo na balsa, você apreciar algumas cafeterias locais que ficam bem ao lado do píer. Outra forma de chegar até a ilha é através de navios de cruzeiro, que incluem Olkhon nos pacotes de férias.

Balsa para a ilha de Olkhon, no lago Baikal

Viajar de ônibus até o ponto em que você deve pegar a balsa é a maneira mais barata de se viajar. Eles partem da estação central de Irkutsk às 8H, 10H, 14H e 17H, e da praça do Mercado Central, também em Irkutsk, às 10H. A viagem de ida custa 1300 rublos (cerca de 80 reais na cotação de hoje), é possível efetuar a reserva por telefone, mas somente no idioma russo.

Se você estiver viajando em grupo ou com muitas malas sugiro contratar um serviço de transfer. Para isso você pode entrar em contato com o hotel que vai se hospedar, falar com taxistas ou até mesmo negociar com moradores locais. O preço cobrado gira em torno de 10 mil rublos (um carro para até 4 passageiros) e 13 mil rublos (uma van para até 9 passageiros). Faça a reserva até a balsa e ao chegar em Olkhon alugue outro carro se necessário. Assim você vai economizar tempo no embarque. Ao chegar na ilha você pode alugar um outro carro até Khuzhir, o que vai te custar cerca de 5 mil rublos a mais.

Ilha-Olkhon-Rússia-lago-Baikal

Outra maneira de chegar à ilha é tomar um barco de Irkutsk até Olkhon. Eles partem toda segunda-feira, às 8:30H, e chegam a Khuzhir por volta de 17H. A balsa segue depois para o lado oposto do lago, te dando a chance de explorar a outra face do Baikal facilmente. Sua volta para Irkutsk acontece na terça-feira, e ele circula somente entre os meses de julho e agosto, contando com uma rota adicional no fim de julho e no início de agosto. Acesse o site www.vsrp.ru/en para conhecer a rota e reservar seu bilhete.

Lugares para visitar na ilha Olkhon

A ilha reserva muitos destinos exóticos e tranquilos para você conhecer. Alugue um carro ou siga de transporte local para explorar os mais variados destinos de Olkhon. Os principais deles estão listados a seguir.

Khuzhir

Essa é a principal aldeia na ilha de Olkhon, com poucos moradores, o que traz uma tranquilidade imensa ao local. Todo o o comércio se localiza na praça que fica no centro da aldeia, fazendo com que seja o lugar ideal para você se hospedar. Há algumas pousadas e pequenos hotéis na aldeia, mas você terá uma experiência bem melhor com a cultura local se resolver se hospedar na casa de uma das famílias.

Khuzhir-ilha-Olkhon-lago-Baikal

No local não existe nenhum ponto de ônibus específico, mas todos eles costumam partir da pousada Svetlana, onde você pode também comprar o bilhete. Mas faça isso com alguns dias de antecedência.

Caverna Shaman

Caverna-Shaman-ilha-Olkhon-lago-Baikal

Também chamada de Burkhan, a caverna Shaman é considerado um lugar sagrado pelo povoado de Khuzhir. Acredita-se que ela tenha poderes sobrenaturais, fazendo com que seja uma da principais turísticas da ilha. Na alta temporada é comum encontrá-la lotada de turistas, mas nada que o impeça de poder ir até lá e apreciar toda a sua magia.

Aldeia de Peschanaya

Baía-de-Peschanaya-lago-Baikal-Rússia

Peschanaya é uma aldeia que fica a cerca de uma hora de carro de Khuzhir. O local parece uma aldeia fantasma que restou da época da união soviética, onde presos eram enviados para trabalhar e atividades como a pesca e agricultura. Hoje existe somente uma ponte e algumas casas abandonadas, além de muita areia. Chega a ser um lugar um tanto quanto misterioso, mas que vale muito a pena visitar.

Prais e campos na ilha Olkhon

A cerca de 4 km da aldeia de Khuzhir você consegue encontrar belas praias ao longo da floresta de pinheiros. Durante o verão muitos turistas e moradores viajam até la, mas a extensão é tão grande que ela consegue suportar bem a demanda. Mesmo assim, se estiver em busca de um local ainda mais tranquilo, siga por 2 quilômetros até a aldeia Kharantsy. Lá você pode aproveitar ainda mais o ambiente e comprar ovos legumes e leite  de moradores locais, pois não há lojas nessa região.

Praia-na-ilha-Olkhon-lago-Baikal-Rússia

As rochas Três Irmãos

Essas rochas, que ficam em uma encosta sobre o lago Baikal, fazem parte das grandes atrações da ilha de Olkhon. Uma lenda antiga diz que ali viviam três irmãos e, como seu pai era um ser muito poderoso, os transformou em águias para que pudessem desfrutar da liberdade única que era sobrevoar a ilha, mesmo que momentaneamente. Porém, o pai deles pediu que prometessem não comer carne morta e eles juraram que não o fariam. Apesar da promessa, ao sobrevoar a ilha por um bom tempo, eles fizeram o contrário. Como forma de punição, foram transformados nessas três rochas pelo pai.

Pedra-Três-Irmãos-Ilha-Olkhon

Cabo Khoboy

Este é o ponto mais setentrional de Olkhon, onde você só consegue chegar depois caminhar cerca de 1 quilômetro após o fim da estrada.

Pilar-Sagrado-no-cabo-Khoboy-ilha-Olkhon

O cabo é um bonito lugar de onde você consegue apreciar o lago os pássaros, as falésias vermelhas e, às vezes, se você tiver sorte, algumas focas. Você caminha pela íngreme rocha (tome cuidado) e nadar em uma das escuras cavernas. No topo há um grande pilar, onde as pessoas que passam por ele vão deixando algum tipo de recordação pendurada.

Mais sobre a ilha

 

COMPARTILHAR
Artigo anteriorLago Baikal, um dos maiores tesouros da Rússia
Próximo artigoO que fazer na ilha Olkhon, no lago Baikal
mm
Cientista social e editor apaixonado por viagens, idiomas e todo o tipo de cultura. Já esteve em mais de 50 países, mas confessa que não sabe exatamente o número de cidades que já visitou. Acredita que a vida é muito curta para passarmos tempo demais em um só lugar, por isso está sempre transitando por aí.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário
Por favor, escreva seu nome aqui